• Flávia Esper

O último dia da lua minguante


Hoje é o último dia da lua minguante, a última do ano. A lua minguante fala de um momento de fim de ciclo. É a hora de se apropriar do que se plantou e colheu nas outras luas e de se despedir do que não nos serve mais. A última noite antes da lua nova é um dos melhores momentos para se fazer limpezas, sejam elas quais forem: físicas, emocionais, energéticas, espirituais.

Que tal aproveitar esse último momento do ano para deixar ir embora tudo aquilo que já cumpriu seu papel? Que tal jogar fora aquilo que não lhe serve mais, separar roupas para doação, fazer meditações, ho´oponopono ou outras técnicas para se liberar de emoções que precisam partir?

Há muitas formas de fazer limpezas. É importante que você crie a sua ou que escolha aquela que fale à sua alma. Não é necessário procurar rituais em livros. A simplicidade costuma ter mais efeito quando feita com o coração que técnicas rebuscadas que não nos falem à alma. Você pode, simplesmente, agradecer por todos os aprendizados e imaginar-se dando adeus a tudo que precisa ir embora. Ou pode varrer a casa, imaginando que toda a sujeira física, emocional e energética está indo embora. Crie seu jeito, mas aproveite este momento de fim de ano e fim de ciclo.

Apenas algumas coisas são importantes nesse processo. A primeira é conseguir agradecer e se apropriar dos aprendizados que situações e encontros difíceis lhe trouxeram. Se mandamos algo embora com a mera vontade de se livrar, de não olhar para aquilo, provavelmente atrairemos outra situação ou pessoa parecida. Agora, se conseguimos ser gratos pelos aprendizados e nos apropriarmos deles, será mais fácil deixar ir embora o que tem de ir.

Caso precise esquecer uma pessoa ou relação que você não queria que tivesse terminado ou partido, agradeça em seu coração por toda a história que viveu, por tudo aquilo que o bom encontro lhe trouxe. E se aproprie de tudo que viveu de bom com essa pessoa. Saiba que as pessoas só despertam sensações nossas e que, se você viveu algo bom com alguém, foi para saber que você tem condições de viver aquilo novamente e que poderá dar sua emoção ou compartilhá-la com outra pessoa. É importante descolar as sensações das pessoas, para que elas possam partir sem que soframos tanto.

A segunda é a intenção. O mais importante em qualquer ritual ou oração é a intenção. As palavras e objetos servem para nos ajudar a focar e materializar nossa intenção, para que não fiquemos distraídos. Então, tenha realmente a intenção de deixar ir tudo aquilo que precisa ir, confiando em que a vida trará um novo ciclo, melhor que o anterior.

Aproveite o momento! Despeça-se do que ainda o(a) aprisiona. Deixe ir tudo aquilo que não lhe serve mais.

#kalinafaxina #luaminguante #limpeza #fimdeciclo #fasesdalua

55 visualizações